Associação Brasileira de Antropologia

A- A A+

EDITORIAL

com alegria, apresentamos o segundo número da novos debates

 

 

Novos Debates convida a todas para desfrutar de seu segundo número. Como aprendemos com os povos com os quais trabalhamos, queremos caminhar no fio da navalha entre “tradição”e “inovação” para produzir algo original e criativo que se localize no gume do “limite cortante” da pesquisa de ponta antropológica.

Nessa edição, procuramos iniciar a avaliação com revisores duplos e cegos (doble-blind reviewers) de todos os textos da seção “novas pesquisas”. Agradecemos imensamente a colaboração das revisoras. Desse modo, esperamos contribuir para que jovens pesquisadoras melhorem sua capacidade crítica em relação a seus próprios textos e propostas de pesquisa e, desse modo, enriqueçam a produção antropológica da academia no Brasil. Incentivamos também jovens revisoras a participar do diálogo com novas pequisadoras, assim atendendo a uma de nossas metas fundamentais que é, justamente, renovar continuamente a Antropologia brasileira.

Muitas de nossas pareceristas são estudantes de mestrado e doutorado e levaram muito à sério o convite, empenhando-se em colaborar para que as autoras melhorassem seus textos. Somos gratas ao empenho de todas e todos. Os textos que apresentamos devem muito à dedicação de vocês, pareceristas e autoras. Esperamos continuar a cumprir nosso papel de criar um espaço dinâmico de diálogo e debate entre pares, especialmente, estimulando a produção de qualidade de jovens pesquisadoras.

Gostaríamos de agradecer também à dedicação de colegas que editaram as seções. A Fórum, aos cuidados do pós-doutorando Wagner Camargo (UFSCar), provocou um grupo seleto de cientistas sociais a apresentarem suas pesquisas sobre o megaevento realizado esse mês no Brasil: a Copa do Mundo de futebol (masculino, como enfatiza Camargo, pesquisador dedicado à área de gênero e sexualidades, especialmente em sua intersecção com esportes). Desse modo, procuramos expôr o debate super atual sobre a relação entre espetáculo, protestos, mercado e esporte. A vida cotidana e contemporânea é escrutinada e temos a chance de poder  acompanhar “ao vivo” e “de camarote” tais discussões e reflexões.

As resenhas foram editadas pelo jovem professor Felipe Fernandes (UFBA). Os últimos livros de Antropologia escritos por Anna Paula Vencato e Oscar Calavia Sáez são apresentados por estudantes que exercitam a fundamental atividade de compreender e explicitar os pontos principais dessas obras. Esperamos, com essa seção, estimular pesquisadoras a elaborarem mais e melhores sínteses. Consideramos que é a partir de resenhas bem escritas que aprende-se a dialogar com outras ideias. Procurar entender e interpretar o que outros escrevem é a base sólida de um diálogo profundo, por isso aproveitamos para estimular a que mais colegas mandem contribuições de resenhas de obras contemporâneas para que a gente siga promovendo as trocas acadêmicas a partir de nossa plataforma virtual.

As seções Opinião e a Novas Pesquisas foram editadas por mim e agradeço a colaboração e os inúmeros emails trocados com autoras e revisoras, aprendi muito com vocês. Por fim, agradeço também a Vinicius Kauê Ferreira que realizou a alimentação do sítio e o trabalho de revisão.  Muito obrigada também a Carine Lemos, da ABA, que tramitou e obteve a inscrição de nosso registro próprio no ISSN (na sigla em inglês International Standard Serial Number). Agora, somos oficialmente uma publicação seriada, o que também muito nos honra. 

Com alegria, mantemos a missão de criar um novo espaço para novas ideias, um fórum online de publicações. Promovida pela Associação Brasileira de Antropologia, a revista é voltada a pesquisadoras em formação e também à participação de professoras.

Pretendemos ser um fórum de divulgação ampla e de reflexão crítica sobre a produção antropológica contemporânea, através de modelos alternativos de contribuições. Novos Debates é a criação de um espaço dinâmico de diálogo, circulação de opiniões e embates necessários à formação das novas gerações em antropologia.

 

Que venham muitas edições futuras e muitas Novos Debates!  

 

Barbara Arisi

Editora de Novos Debates